FAMÍLIA DE MARIANA SERÁ OUVIDA PELA POLÍCIA

mariamacosta-1Equipes da Superintendência de Homicídios vão ouvir nesta quarta-feira (16), os familiares da publicitária Mariana Costa, de 33 anos, filha do ex-deputado estadual Sarney Neto e sobrinha-neta do ex-presidente da República, José Sarney. Ela foi estrangulada e morta por asfixia, no domingo (13), no apartamento em que morava no Turu.

O principal suspeito do crime é o empresário Lucas Porto, que é casado com uma irmã da vitima. O advogado Jonilton Santos Lemos Júnior que defende Lucas Porto nega as acusações. Segundo ele, Lucas nega o crime.

Além de familiares que serão ouvidos, a Polícia voltará a reinquerir o único suspeito. A informação foi confirmada pelo secretário de Segurança Pública, Jeferson Portela.

“A partir de amanhã (quarta-feira) vamos procurar ouvir familiares, pois não foi possível ainda por conta do velório e sepultamento da vítima e vamos reinquerir novamente o suspeito”, adiantou.

Segundo o secretário, o empresário Lucas Porto que teve a prisão preventiva decretada ontem pela Justiça e está preso juntamente com outros presos numa cela no Centro de Triagem, em Pedrinhas, ainda não confessou o crime.

Deixe uma resposta